Estabelecer contatos positivos com seus parceiros de negócios é uma atitude inteligente em qualquer segmento do mercado.

Essa estratégia possibilita conseguir preços mais atraentes e até a manter a cartela de produtos constantemente atualizada. Dentro desse contexto, ter um bom relacionamento com fornecedores é fundamental.

A grade questão é que muitos empreendedores não sabem ao certo como fazer isso ou sequer dão a devida importância para essa estratégia. E você, tem feito boas parcerias? Ainda não? Então confira as dicas que preparamos a seguir e entenda como mudar esse cenário:

1. Faça uma boa pesquisa

O primeiro passo para um bom relacionamento com os fornecedores é fazer uma boa pesquisa antes de estabelecer as suas parcerias comerciais. Você pode fazer isso utilizando a internet e fazendo buscas sobre a reputação e eventuais reclamações em sites especializados sobre o tema.

Amigos e outros conhecidos que atuam no ramo também podem oferecer informações valiosas. Estude também as condições, os prazos de entrega e a cartela de serviços oferecidos, como cuidados no armazenamento, possibilidade de atendimento imediato a pedidos, entre outros.

2. Não escolha pelo preço

Escolher pensando apenas no preço é uma verdadeira armadilha e isso pode fazer com que você acabe com um fornecedor de péssima qualidade, o que definitivamente minaria as chances de qualquer relacionamento positivo, podendo impactar até o faturamento da sua loja em longo prazo.

É fundamental focar prioritariamente na qualidade dos produtos e serviços ofertados. Estipule uma lista de exigências antes de sair em busca dos seus futuros parceiros. Assim, você consegue selecionar com mais facilidade, tomando as decisões mais responsáveis diante das verdadeiras expectativas e necessidades da sua empresa.

3. Alinhe os processos internos

Outro segredo de um bom relacionamento com fornecedores é alinhar os seus processos internos e também considerar o funcionamento dos seus parceiros de negócio. Comece ficando de olho na demanda dos seus consumidores, de forma que você consiga estabelecer uma previsão de demanda inteligente.

Procure compreender também como é o funcionamento dos seus fornecedores, de forma que você possa fazer seus pedidos de uma maneira que facilite o sucesso da entrega. Se ele tem mais encomendas no início do mês, por exemplo, você pode deixar as suas para outra data mais tranquila, desde que isso não prejudique o seu negócio.

4. Aposte em diversas frentes

Antigamente era muito comum que as empresas optassem por trabalhar com apenas um fornecedor. No entanto, como o mercado está cada vez mais competitivo e os clientes não hesitam em procurar um concorrente quando não têm suas necessidades atendidas, apostar em mais de uma frente se tornou uma questão de sobrevivência.

Com diversos parceiros de negócios, você garante que o seu empreendimento não ficará desabastecido de mercadorias, mesmo que ocorra algum problema com o entregador. Isso dá confere mais poder de barganha para eventuais negociações, pois fica mais fácil trocar de fornecedor sem prejuízos significativos para a sua logística.

E agora, pronto para um bom relacionamento com os fornecedores? Quer continuar acompanhando mais dicas como essas? Então não deixe de seguir nossos perfis no Facebook, no Youtube e no Instagram!