Lidar com mobília é uma atividade estimulante e agradável. Porém, tanto as fábricas quanto as lojas de artigos de decoração se deparam com um desafio: trabalhar com móveis sustentáveis que sejam modernos, bonitos e funcionais.

Sustentabilidade virou sinônimo de atitude, e muitas pessoas querem vivenciar a consciência ambiental. Dessa forma, é importante buscar oportunidades de parcerias para atender a essa demanda.

Hoje, algumas fábricas de móveis, inclusive de planejados, já abraçam a causa ecológica, adotando a postura de sustentabilidade desde o processo produtivo.

Para ajudar compradores e vendedores do mercado moveleiro na busca por parceiros confiáveis, listamos abaixo algumas informações sobre móveis ecológicos. Confira!

Importância dos móveis sustentáveis

Todos sabem da necessidade de preservação do verde para a sobrevivência do nosso planeta. Por isso, é muito importante que as empresas desse ramo se dediquem a guiar o seu público, a fim de aumentar as vendas de peças produzidas de forma sustentável.

É fato que o crescimento da procura incrementa a fabricação dos produtos verdes. Dessa maneira, as nossas florestas serão preservadas, assim como os nossos ecossistemas. O design moderno e atraente desses artigos, combinado à sustentabilidade que ele proporciona, tende a conquistar cada vez mais clientes.

Características dos móveis sustentáveis

Existem algumas características que devem ser observadas para saber se a peça é realmente produzida de forma ecologicamente correta. Portanto, compradores e revendedores de móveis devem ficar atentos. Conheça algumas delas:

Tipos de madeira

A maior parte desses móveis é fabricada com madeira de reflorestamento, ou seja, árvores plantadas para esse fim. As espécies mais utilizadas são o pinus, a araucária e a teca. As placas, como o MDF, também podem se transformar em móveis bonitos e resistentes.

A mobília sustentável também pode ser feita com madeira reaproveitada, recuperada ou de resíduos. Esses materiais vêm de demolições, de locais de descarte ou de um ponto de recuperação, como uma recicladora.

Certificação

O produto deve ter a certificação ecológica conferida por organismos sérios e independentes. Os itens oriundos de florestas devem cumprir com todos os princípios e critérios ecológicos para receber a certificação.

O FSC (Forest Stewardship Council), por exemplo, é uma organização internacional independente muito respeitada, que concede um certificado sobre o manejo ambiental.

Produção sustentável

Além de utilizar material ecológico, é preciso atentar para sustentabilidade da cadeia produtiva. As indústrias que atendem a esse requisito recebem um selo de premiação concedido por órgãos competentes.

Para conseguir esse reconhecimento, essas corporações devem usar matéria-prima renovável, oferecer boas condições de trabalho e oportunidades a seus colaboradores e, ainda, se incumbirem de dar uma destinação correta aos resíduos da produção.

Estilos e tipos de móveis sustentáveis

O modelo de sustentabilidade pode ser empregado em vários modelos de móveis. Veja alguns deles:

Madeira de demolição

Eles são feitos, geralmente, utilizando madeira maciça, proveniente de demolição. São peças exclusivas e com aspecto rústico, pois trazem marcas e detalhes deixados por utilizações anteriores.

Acabamento escovado

Esse acabamento é muito visto em móveis planejados. Ele também confere um visual rústico ao produto, deixando-o charmoso e natural. Além disso, acrescenta personalidade e graça ao ambiente.

Acabamento envelhecido

São artigos fabricados seguindo estilos antigos. Detalhes no acabamento, como a pintura, reforçam essa característica. Assim, eles ficam com um design clássico e sofisticado.

Como você pôde notar, os móveis produzidos seguindo a linha ecológica vieram para ficar. Dito isso, fábricas, lojas, postos de revenda e consumidores precisam acompanhar essa tendência mundial.

Optando por móveis sustentáveis, você estará levando ecologia e bem-estar para a sua casa e para seus clientes — tudo isso com muito bom gosto e refinamento!

E aí, gostou de saber mais sobre essa tendência? Quer continuar de olho em outras novidades que compartilhamos? Curta a nossa página no Facebook e não perca nenhum conteúdo!